Júri realizado em Caçapava

Na última sexta-feira (08), foram levados a julgamento os réus Dionara Machado de Assis e Márcio Rodrigo Machado Rodrigues, acusados de terem sido os responsáveis pela morte da vítima Jordana Dutra Félix, em 17 de dezembro de 2017, na Rua Potiguara Moreira Leão, Promorar, em Caçapava do Sul. Os jurados condenaram a ré Dionara a 15 anos de reclusão, em regime inicial fechado. Já o réu Márcio Rodrigo foi absolvido a pedido do Ministério Público, por não haver provas de ter participado do fato criminoso.

%d blogueiros gostam disto: