Diagnóstico permanente

A vereadora Patricia Castro (PL), apresentou na última semana, um Projeto de Lei que determina como permanente o caráter do laudo que diagnostique o Transtorno do Espectro Autista (TEA) e Síndrome de Down no município de Caçapava do Sul. De acordo com a parlamentar, esse Projeto de Lei tem como objetivo desonerar as famílias que possuem pessoas autistas e com síndrome de Down, determinando que a validade do laudo médico parcial seja permanente.

%d blogueiros gostam disto: