Deborah Blando abandona vaidade em centro budista: ‘Não tenho mais botox’

Deborah Blando está passando por um dos processos de transformação interior mais íntimos de sua vida, aos 51 anos. Morando em Ulverston, na região de Cumbria, no norte da Inglaterra, há seis meses, a cantora deixou Florianópolis, com seus dois cães, para ingressar no curso de formação de professores de budismo e meditação do Manjushri Kadampa Meditation Center. “Sempre tive esse sonho de morar aqui no. Já morei em outras comunidades budistas, mas está sendo especial. Ingressei em um curso disponibilizado para todas as pessoas do mundo onde só 34 pessoas seriam escolhidas para estudar e serem professores. E eu fui uma delas. Estou bem feliz”, contou ela ao UOL. A quarentena, por conta da pandemia do coronavírus, também acontece no centro budista. Deborah explicou que as aulas têm sido ministradas via Skype, de dentro da própria comunidade, cada um fica dentro do seu próprio quarto. O isolamento social aflorou sua veia artística e a artista compôs a música “I Will Never Forget You” diretamente do retiro espiritual. Com produção musical de Leo Casper, que também trabalhou no single “One Truth”, a nova faixa foi inspirada na visão budista da atual situação mundial. A letra teve influência nos ensinamentos do guia espiritual Geshe Kelsang Gyatso, um renomado mestre, monge budista e fundador da Nova Tradição Kadampa.

“Peguei as palavras do meu guia espiritual Geshe Kelsang e as tomei como um mantra para trazer conforto neste momento. A melodia surgiu a partir destas orações. O nome da canção veio das três frases de Geshe Kelsang, ‘eu sempre estarei com você’, ‘eu sempre estou te ajudando’ e ‘eu nunca vou te esquecer’, esta última que leva o nome do meu novo single”, explica. Deborah gravou um videoclipe para canção com a intenção de levar uma mensagem de esperança às pessoas a respeito da covid-19 e enaltecer o incansável trabalho dos profissionais de saúde. A produção mostra imagens de diversas cidades vazias, além de filmagens de hospitais.

FONTE: https://www.uol.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: